A gratidão reside em mim — Universo Inconsequente

Ela chegou e repousou ao meu lado. A princípio, não me disse nada, só me olhou com aquele olhar todo cheio de carinho. Retribui seu olhar afetuoso e sorri levemente. Ela pegou-me pela mão e levou-me para janela e mesmo sendo a mesma janela que dia após dia eu olhava, não foi o cenário de […]

via A gratidão reside em mim — Universo Inconsequente

Anúncios

Autor: Sabrina Alves

Professora de Língua Portuguesa,Literatura e Língua Inglesa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s